Postagens

Mostrando postagens de Fevereiro, 2009

QUASE CARNAVAL

Eu me distraio porque é véspera de todos os outros carnavais. Provoco incoerências porque é véspera de coisas desimportantes. Visto intransigências porque até antes de ontem as cores todas não me faziam colombina. Paro o mundo e seus arredores porque meu [quase] carnaval é sétima arte.

DOS GIRASSÓIS

Demorei um tempo para conseguir vir até aqui. Não que não quisesse, mas eu precisava saber mais de você além daquilo que já conhecia. Também precisava ouvir todos os seus discos e isso leva tempo. Por isso, talvez, o que te escrevo não é simétrico. Talvez nem deveria ser. Não para você, que sempre preferiu os girassóis às outras flores. Não para você que ouvia música como se pudesse olhar pra ela [...] Eu te conto para os outros. Eu te mostro para quem não te conheceu. Te empresto o que nem sempre é meu de fato.