quarta-feira, 14 de janeiro de 2009

IMPERATIVO

Eu te ensaio em brevidades informais. Te dou predicados. Te empresto poesia desprovida de estética. Te invento prudência. Mudo o nome das coisas. Não te deixo ter razão. Te entrego todas as minhas vontades. Erro em princípio participativo. Mudo os tempos. Ignoro parapraxias. Invento distorções kantianas sem reservas. Te faço linguagem própria. Te dou minhas referências todas. Mudo todas as silabas. Te faço imperativo. Te deixo sem métrica.

13 comentários:

  1. Distorço o dito afim de ainda dizer em outras vertentes... recrio antigos sonhos discrepantes a grande parcela abissal.

    Vario de humor só pra te confundir... incremento sabores desconhecidos ao seu quadrado paladar...

    Te digo... te faço e a deixo impávida ao meu desejo...

    nessas horas sou aquele bobo de sempre... a te querer sem se quer dizer: venha.


    Bjs moça e dá pra vêr que viajei né... isso que escrevi vou roubar para um post meu.r.s..s





    Novo Dogma:
    bandEira...


    dogMas...
    dos atos, fatos e mitos...

    http://do-gmas.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. Parapraxias e distorções kantianas? :-)

    ResponderExcluir
  3. Você msmo que escreve guria??
    De mais.. "te invento prudência"
    Vou botar isso no meu orkut..rsrs..
    Você escreve muito bem...
    Parabéns!
    Bju


    XP

    ResponderExcluir
  4. O anônimo espertão não sabe o que é licença poética?

    Anyaway, pq vc não tenta poesia concreta? ;)

    ResponderExcluir
  5. adorei!!
    parabéns!!

    http://oigatavemsempreaqui.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  6. tatiiiiiii
    tem premio pra vc no blog!
    abraço

    ResponderExcluir
  7. Seu jogo de palaras deixou meu pensar pasmo, deveras grandioso a vossa capacidade com as letras!Meus parabéns a ti!

    ResponderExcluir
  8. Eu disse que meu comentário ia render um post.. e rendeu...

    Bjs e que dia vou mostrar a tatoo?







    Novo Dogma:
    faTos...


    dogMas...
    dos atos, fatos e mitos...

    http://do-gmas.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  9. Queria que alguém imperasse em minha vida. Como uma rainha, mas sem a coroa.

    Vou tentar seguir seu conselho e tentar escrever sobre amenidades, coisas que gosto e do que sei.

    Beijos

    ResponderExcluir
  10. Fazer o imperativo,eis a questão :)

    ResponderExcluir
  11. Adorei as frases elaboradas e dando um sentido a todo o contexto.
    Uma dúvida, a palavra: kantianas
    Ela se refere ao filósofo Immanuel Kant?
    Aguardo resposta!
    Cá entre nós , só a net p/ nos propor o prazer de confabular com o autor de poesias, textos, versos etc.
    Beijinhos!!
    http://www.sagadosmartins2.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  12. Hmmmm Tati querida,você teria por acaso,arquivado com você o roteiro de 'quando fizer sessenta',acho do Takeda??Tentei baixar, mas não consegui...Se tiver ficaria mto agradecido :)

    ResponderExcluir
  13. "Te deixo sem métrica" tenho saudades disso tudo sempre, parabéns!

    ResponderExcluir