quinta-feira, 25 de outubro de 2012

DESPEDIDA

Eu queria escrever uma carta de despedida. Uma carta que tivesse todos os dias que rimos das nossas bobagens. Uma carta que contasse todas as vezes que fizemos comédias das tragédias impostas por gente que não merecia um sorriso seu. Uma carta que coubesse todas as suas saudades e lágrimas que viraram sorrisos depois de uma piada [ruim] minha. Eu queria mais um tempinho com você, mas sei que o seu tempo já era largo, tenso, comprido, embora saibamos que se quisesse, aqui estaria. Eu queria ter podido te defender com mais bravura, mas acho que de alguma forma, fui suficiente como amiga, neta e cúmplice. E mesmo indo embora sem nos preparar, tivemos tempo para dizer o que queríamos uma da outra. Você me deu suas lembranças para que eu pudesse guardá-las e compartilhá-lhas [apenas] com quem te queria bem. Eu te dei meu colo, minhas histórias e a minha presença em tardes com bolo e café, tardes que eu sei que eram importantes para você. Eu queria me despedir, mas não consegui. Nem lá, nem aqui, nem em lugar nenhum... Sentirei falta de tudo: dos [seus] dias de marrenta, do caldinho de feijão, do abraço que era sempre quentinho e até mesmo das [suas] perguntas que se repetiam sem cansaço. Ah, não tivemos tempo para as compras de tecidos coloridos na Turquia, mas prometo que as farei por nós duas...


12 comentários:

  1. ooouuunnn como conter uma lagriminha perante uma despedida tão triste mas, nem por isso, menos bela...

    ResponderExcluir
  2. a cada palavra sua, sobra doses de encantamento meu. (:

    ResponderExcluir
  3. Alguém morreu de verdade?
    de qualquer forma, isso de fazer pergunta repetida é algo que realmente me identifico kkkkkkkk
    adoro os seus textos!

    ResponderExcluir
  4. texto meio triste, mas é bom.

    ResponderExcluir
  5. :')

    Triste, porém, super comovente... Lindo!

    ResponderExcluir
  6. Como conseguir esquecer alguém que passou e marcou nossas vidas?

    ResponderExcluir
  7. Comovente e interessante
    http://aprendajaponesja.blogspot.com.br/2012/10/curiosidade-uniforme-escolar-japones.html

    ResponderExcluir
  8. acho que todos devem escrever uma carta de despedida e lê-la de tempos em tempos para procurar pelo menos acertar algumas coisas e procurar reescrever a própria história

    ResponderExcluir
  9. Voltei para ler esse texto de novo ele combina muito com coisas que eu sinto

    ResponderExcluir
  10. Ahhh se a gente tivesse tempo de falar/escrever sobre todas as coisas que nos fizeram bem... Ah, se a gente nem precisasse se despedir...

    ResponderExcluir
  11. Oiiieee...passando aqui pra deixar um recado
    (Video Novo) Make Azul com Delineado azul......Siga que eu sigo tb!!!!

    http://youtu.be/5PgC5gHeLzI
    www.makeolatras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir