Postagens

Mostrando postagens de Novembro, 2011

PEARL JAM [04.11.2011 - SÃO PAULO]

Imagem
 [Pearl Jam - Estádio do Morumbi - 04.11.2011]
Nem toda distorção é sinal de falta de harmonia. Nem todo grunge cabe em uma camisa xadrez. Quase toda entrada amplificada parece vir de Seatle, e assim Eddie Vedder foi na medida exata em 2005. E ainda assim, Eddie Vedder continua exato em 2011, porque Pearl Jam, de perto, é bem melhor do que qualquer versão [exata] de estúdio.
Foram 2h15min, 68 mil coros, 30 músicas, dois bis, um Morumbi no tamanho ideal, 20 anos de Pearl Jam, e "Wishlist" nunca foi tão linda. Mais: "Black" foi poética, com um parênteses para os riffs de Mike McCready enquanto o coro [os tais 68 mil] deixava inteiro o que já parecia ser completo. "Better Man" é quase pessoal. Em dias assim, o quase não faz sentido algum.
E este post cabe na nota de rodapé da série dos dias mais legais de todos os tempos. Porque eles são muitos. Porque em dias com Pearl Jam de perto, está em sua segunda edição. Chamem Cameron Crowe, por favor.
SET LIST: Go | Do…

DOCE NOVEMBRO

Depois das travessuras e gostosuras de outubro, ela chega novembro. Chega pedindo dias doces. Pedindo mais instinto, menos gestos planejados, algumas intenções - ainda que inacabadas. Ela chega novembro. Chega em dia de verão, chega de noite em primavera. Ela chega roteiro de alguma nota improvisada. Ela chega início de véspera das perdas. Ela chega penúltima, sofisticada. Ela chega novembro. Chega nos riffs da chuva com hora marcada. Ela chega para o doce novembro, despreparada.