segunda-feira, 28 de fevereiro de 2011

UM AMOR E UM CAFÉ

Não fui à sua formatura. Não ouvimos juntos aquela banda que ninguém mais conhece. Não tivemos nenhum domingo tedioso e deixamos de compartilhar todos os casamentos cafonas das nossas famílias [agora que te conheço, sei que os casamentos cafonas seriam divertidos ao seu lado]. Não estudamos nos mesmos colégios, não tivemos amigos em comum, não assistimos o Clube da Luta juntos [e portanto não discutimos “quem-era-quem-que-deveria-ser-um” e não o provoquei com meus suspiros pelos dois].

Não nos esbarramos em nenhum dos nossos outros dias, embora tenhamos viajado para os mesmos cenários e comprado os mesmos livros. Mas aí, dia desses, com uma quase pressa, tivemos o cuidado de nos perceber. O meu café precisa de canela e você ainda degusta o alcalóide como se não tivesse acostumado com a dilatação dos vasos periféricos. E desde então nos encontramos propositadamente.

Um amor e um café [quentes, por favor!]

[A frase "um amor e um café quentes, por favor" faz parte das delícias literárias do Caio Fernando Abreu.]

15 comentários:

  1. muito legal o texto ,gostei bastante

    ResponderExcluir
  2. muitas vezes uma historia d amor parte d um acaso, mas isso nao é uma regra. Muito interessante o texto

    ResponderExcluir
  3. bacana, imaginava outro desfecho pro texto, mas, me surpreendi. curti,

    ResponderExcluir
  4. Lindo Tati, amor é um tanto isso aí tb. A discussão do Clube da Luta equivale às discussões do Sexto Sentido hehehe

    ResponderExcluir
  5. AMEI! Prefiro mil vezes um encontro super casual para você achar alguém especial do que algo tão sistemático.
    É assim que eu imagino para mim, aquelas coisas de filme mesmo rs
    Bjs http://bruuhloira.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  6. Lindo o texto! Pequeno, mas muito criativo. A vida tem dessas casualidades, a questão é o que fazemos delas.

    ResponderExcluir
  7. "Não havíamos marcado hora, não havíamos marcado lugar. E, na infinita possibilidade de lugares, na infinita possibilidade de tempos, nossos tempos e nossos lugares coincidiram. E deu-se o encontro"

    [Rubem Alves, em "Carta a um amigo"]

    ResponderExcluir
  8. Amei!! adoro comentar post bem feitos achei tão lindo agora vou até usar o bordão " café e um amor quente por !!!

    ResponderExcluir
  9. Menina, que texto bom...rsrs e como está na fotografia?? me conta tudoo...

    add no msn:elainemorenosfa@hotmail.com

    bjão

    ResponderExcluir
  10. minha querida, desculpa a demora, mas mt obrigada pelo carinho la no meu blog.



    volte qnts vezes quiser, pois smpre sera mt bm vinda!!!


    boa noite

    bjaooo


    http://cabecafeminina.blogspot.com

    ResponderExcluir
  11. Gostaria de viver alguns momentos ai q vc descreveu
    Projeto Blogs do Brasil(http://tinyurl.com/4aavayz)

    ResponderExcluir
  12. Uma pedida cada vez mais recorrente nos dias atuais.

    ResponderExcluir