quinta-feira, 16 de outubro de 2008

VANGUARDA

Sim, ela sou eu. Quase doce, quase ácida. Quase-tudo-ao-mesmo-tempo. Quase sua, sempre minha. Sou seu pedido de desculpas, sua mão-dupla, seu perímetro em 3X4. Sou quase um retrato-falado. Sou um pouco do que você sabe de mim. Sou quase tudo que ainda não sabe. Sou verbo, sou dona, sou predicado. O adjunto que tudo muda. Sim, às vezes sou teu advérbio. Sim, ela sou eu. Em primeira pessoa. No teu singular, ainda que me confunda no plural. Sou tudo o que opõem. Sou romance pós-moderno. Quase doce, quase ácido. Quase-tudo-ao-mesmo-tempo.

23 comentários:

  1. Oba sou a primeira!

    Adorei seu blog, delicado, culto e inteligente!

    Parabéns!

    ResponderExcluir
  2. Vim agradecer o comentário no meu blog JC digital !

    ;)

    volte sempre !

    ResponderExcluir
  3. ah Tati lembro do seu blog, quando fui fazer o meu dei uma pesquisada, vc escreve bem e fala coisas que sentimos, muito bom teu blog gosto de gente que pensa e é sincera, se quiser fazer parceria mas meu blog ainda é bebê.bj

    ResponderExcluir
  4. Rá, a nojentinha voltou a escrever bem!

    ResponderExcluir
  5. E eu adoro o anonimato, como bem sabes... A propósito, tenho sofrido de saudades de vc. Algo breve, coisa de uns 4 ou 6 centímetros, mas intenso.

    ResponderExcluir
  6. Você pode ser quase muita coisa, mas você É uma ótima tradutora de sentimentos...

    Beijos

    ResponderExcluir
  7. Quando leio seus textos sinto que estou dançando, não sei porque!

    ResponderExcluir
  8. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  9. 1. O anônimo sofre de urgências em medidas não convencionais, e eu acho graça.

    2. Vinícius, não sei se traduzo sentimentos, só sei que os vivo tão intensamente - e às vezes contra a minha vontade - que eles tornam-se maiores que mim.

    3. Rô, você é fantástica, e adoro te encontrar por aqui.

    ResponderExcluir
  10. E não consigo conhecer a moça pessoalmente. Ela vem na minha cidade, me liga e parte rumo ao desconhecido sem nem avisar. Bjão, Tati.

    ResponderExcluir
  11. Esse teu texto bacanérrimo me lembra uma música cantada por Adriana Calcanhoto chamada Uns versos. Em um deles ela diz assim: "Se você vai sair
    O seu asfalto
    Se você vai sair
    Eu chovo
    Sobre o seu cabelo pelo seu itinerário
    Sou eu o seu paradeiro
    Em uns versos que eu escrevo
    Depois rasgo".

    ResponderExcluir
  12. eu não sei dizer o quanto eu gostei desse texto. Me identifiquei com "Quase-tudo-ao-mesmo-tempo."

    ResponderExcluir
  13. Pois você percebeu bem, pois aquele foi um texto escrito por mim, sem alter egos, recursos literários ou que tais.

    E ela diz que eu sou o homem da vida dela, mas não sei se ela tem coragem de largar tudo e mudar para a cidade onde vivo...

    Coisas do romance...

    ResponderExcluir
  14. Uau... que menina-mulher BOMBÁSTICA!!! Um doce meio ácido??? Viaaaagem doce meio psicodélica ;@


    adoreeeeei!!! Loved!

    ResponderExcluir
  15. =O
    Me espantei.
    Você escreve muito bem. Sério.
    Lí seu texto vanguarda e "Classico"... vocÊ escreve tão leve, parece que faz isso sem ver. O que dá ao texto um ar melhor ainda.

    Adorei. Parabéns.

    ResponderExcluir
  16. vanguarda, já ouvi falar que essa época foi muito boa! seu blog ta muito legal , obrigado pelo força ;D

    ResponderExcluir
  17. Muito em tão pouco. Foi isso que vc conseguiu expressar nessa uniao estavel de palavras.

    ** Posso te linkar?

    Beijocas!
    =)

    ResponderExcluir
  18. É isso mesmo vida contempôranea, tudo ao mesmo tempo agora e nada, talvez quem vai saber afinal cabe tudo!

    ResponderExcluir
  19. Thiago Quintella22 outubro, 2008 12:30

    Obrigado pela gentileza de falar bem de meu (nosso) Rio de Janeiro, onde deve ser valorizada as belezas e sempre criticar os erros, tão comuns nas cidades grandes! Belo como os relatos para sua pessoa amada!

    ResponderExcluir
  20. sem palavras...mas tds essas certissimas !


    --
    http://raciocinioquebrado.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  21. poxa, vc é muito absurda hahaha

    ResponderExcluir
  22. Belo BLog leve.classico que ao mesmo tempo pode ser charmoso Sucesso

    http://www.ki-locura.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  23. Muito bom tudo isso! Tive uns bons 40 minutos de deleite aqui no seu blog.
    Parabéns!
    =)

    ResponderExcluir