quinta-feira, 28 de fevereiro de 2008

DEVOLVA-ME

Devolva-me. Devolva-me todas as manhãs despretensiosas. Devolva-me todo o imperativo dos meus verbos. Todos os meus sorrisos sem motivos. Todo abraço desperdiçado. Todos os dias antes de ontem. Devolva-me meus carnavais de columbina. Todas as folhas de outros outonos. Todos os refrões que roubei. Todos os lugares que estive. Eu quero ir embora. E quero levar os sentimentos que eu achava conhecer antes de nós.
 
P.S.: [texto escrito num dia de exercícios literários]

23 comentários:

  1. Dias assim o pensamento aflorar e num vasto sentido propõe certas palavras.

    Seu dia foi proveitoso...

    Sentimentos roubados, sacrificados e diante de todos.. eis o esconderijo central.

    Bjs e saudades de ti moça,




    Texto de hoje: CéRebRo...

    Visite e Comente... http://oavessodavida.blogspot.com/

    O AveSSo dA ViDa - um blog onde os relatos são fictícios e, por vezes, bem reais...

    ResponderExcluir
  2. gostei a ponto de querer ler outros textos.

    e a ponto de dede já querer linkar.

    muito bonito e com ritmo.

    ResponderExcluir
  3. mto bom seu blog
    belo texto
    escreve bem

    ckiser da uma pasada nu meu

    http://losfanfaroes.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. "...todos os dias antes de ontem"
    Melhor parte!

    Gostei demias disso!
    Principalmente das primeiras linhas, até ..."ontem" !


    Devolva-me esse comentário no meu blog!

    Boa noite!

    ResponderExcluir
  5. adorei seu blog
    convido vc para atrevessar a fronteira e fazer parte da lusitana ilusao
    espero que goste
    ts

    ResponderExcluir
  6. adorei o texto eu queria falar isso para alguem,obrigada por passar no meu blog

    bjs

    ResponderExcluir
  7. Olá...bem intrigrante tuas palavras...gostei bastante...
    Até

    ResponderExcluir
  8. "Devolva o imperativo dos meus verbos" gostei dessa parte

    bjos!

    ResponderExcluir
  9. Coisas que não podem ser devolvidas... Ainda mais pela possibilidade dele alegar que nada disso foi pedido antes!


    C'est la vie... =*

    ResponderExcluir
  10. Tem indicação pra ti lá no AveSSo.

    Bjs,




    Texto de hoje: tUdo oU nAda...

    Visite e Comente... http://oavessodavida.blogspot.com/

    O AveSSo dA ViDa - um blog onde os relatos são fictícios e, por vezes, bem reais...

    ResponderExcluir
  11. um exercício literário? uau...
    imagine só a prova!
    bjs

    ResponderExcluir
  12. Texto muito bonito... Parabéns...

    ResponderExcluir
  13. Parabéns pelo texto!


    "Devolva o imperativo dos meus verbos"
    amei estes versos


    Posso te linkar?

    http://recantodeyeda.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  14. eu gosto cada vez mais daqui, e você não me responde mais, hahaha. parabéns, mesmo.

    ResponderExcluir
  15. é que você visitava lá de vez em quando, e eu gosto bastante daqui, daí sei lá, haha.

    ResponderExcluir
  16. Porque todo mundo faz esta ressalva de que se visite os blogs deles? Qual será a essência do blog? Uma experiência pessoal única e que serve aos curiosos, ou uma orgia cultural onde o que vale é expor suas idéias a quanto mais gente possível?

    Questionamento à la nosso amigo de escrita sem eiras nem pontos, hehehehehehehehe.

    saudades, beijos,

    GE!

    ResponderExcluir
  17. Isso lembrou-me um pouco de:"O Cobrador"de Rubem Fonseca,onde um sujeito perturbado pela raiva de nunca ter conseguido os seus desejos mais coerentes,começa a cobrar das pessoas,tudo o que o mundo não lhe ofereceu de prazenteiro.E se possível até desconta por matança;os mais afortunados de luxo,ou elimina as pessoas inúteis que nunca deveriam ter existido,um curta ótimo que vi e recomendo está aqui neste link,se possível veja...http://youtube.com/watch?v=3yq9cOagGtk

    ResponderExcluir
  18. Eu já me manifestei aqui no seu blog dizendo ser leitor dos seus textos.
    Sim, um leitor egoísta, que quase nunca deixa comentário, eu confesso.
    Tá, mas lendo esse post, me deu vontade de fazer uma lista de "Devolva-me". Ah, como deu!!!

    ResponderExcluir
  19. Devolvam-me a Tati..

    Bjs,



    Texto de hoje: sEm reSerVaS...

    Visite e Comente... http://oavessodavida.blogspot.com/

    O AveSSo dA ViDa - um blog onde os relatos são fictícios e, por vezes, bem reais...

    ResponderExcluir
  20. Interessante e uma mensagem profunda e bela.

    lindo texto.

    ResponderExcluir
  21. huushUAHUhuhsuhaush eu não resisti...sim e sim minha cara Tati...Se não fosse desta forma...Eu não saberia dizer de quão grandiosa forma, sei disto;esta mulher que se interpreta em tantos dias dos seus dizeres mais expressos...oh yeah...Tati;quero confessar uma coisa à você politicamente,eu não consigo acompanhar o calendário de idéias de tua mulher,mas vivo tudo pelo lado expressismo bonito e gesticulativo teu,te adoro minha menina de amparos que suga...Sou nada,sou acaso;tempero da terra que me chama por dias...E descubro uma coisa maior representável,sei que vou morrer,mas insistem na morte que não chega...

    ResponderExcluir
  22. Olá!
    Dias para as devoluções, ou reencontros com nós mesmos...
    Instigante para a criação de Poemas e Posas, como essa ai...
    Alguns roubados outros achados...
    Muito bom!
    Abraços
    Everaldo Ygor
    http://outrasandancas.blogspot.com/

    ResponderExcluir